quinta-feira, 12 de julho de 2012

Receita apreende barcos de luxo

Após jatinhos, Receita apreende barcos de luxo

Após jatinhos, Receita apreende barcos de luxo Foto: Edição/247

Operação nomeada de Jack Sparrow, em referência ao personagem de Piratas do Caribe, apreendeu 39 barcos de luxo nos litorais de Vitória e Guarapari, no Espírito Santo; bens apreendidos pela Receita são estimados em R$ 7 milhões

12 de Julho de 2012 às 13:29
Fernando Porfírio _247 – Depois de confiscar 12 aviões em Cumbica e Viracopos, em parceria com a Polícia Federal, a Receita Federal realizou, nesta quarta-feira 11, a operação Jack Sparrow, que apreendeu 39 barcos de luxo nos litorais de Vitória e Guarapari, no Espírito Santo (ES). Os bens apreendidos foram estimados em R$ 7 milhões. De acordo com a Receita, a operação pretendia reprimir a entrada ilegal de embarcações no país.
Os alvos da operação da Receita foram os atracadouros do Iate Clube do Espírito Santo, da Ilha da Fumaça, em Vitória, e o de Guarapari. Na operação, que contou com apoio da Marinha, foram usados um helicóptero e embarcações militares.
Os bens apreendidos, segundo a Receita, continuarão nos locais até que seus donos regularizem a documentação e paguem os impostos. Os proprietários de outros 29 barcos, que foram liberados, ainda terão de regularizar a situação com o Fisco.
"Os focos foram tanto as propriedades que não foram registradas de acordo com as normas da Marinha quanto as que não foram declaradas, ou que, por exemplo, são incompatíveis com a renda do proprietário", afirmou o inspetor-chefe da Alfândega do Porto de Vitória, Flávio José Passos Coelho.
A operação Jack Sparrow deslocou 20 fiscais da Receita e 12 da Marinha, além de um helicóptero que monitorou o movimento no litoral capixaba. Paralelamente à ação, a Delegacia da Receita Federal de Vitória intimou outros 29 proprietários de embarcações que apresentavam indícios de irregularidade.
Brasil 247.com 

Nenhum comentário: